Para que nos nunca esqueçamos …

Olá Amigos

Hoje é dia 9 de agosto, um dia para que a humanidade nunca se esqueça do maior ataque nuclear ocorridos em Hiroshima e Nagasaki onde cerca de 80 mil pessoas morreram em Nagasaki por conta do ataque e em Hiroshima, onde o número de mortos chegou a cerca de 140 mil, realizado pelos Estados Unidos.

O lançamento da bomba atômica em Hiroshima e Nagasaki completou 65 anos. O ataque americano devastou as cidades japonesas. Eram 8:15 da manhã e é um dia de lembrar de um dos episódios mais trágicos da história, o primeiro ataque atômico do mundo.

O Japão, foi o único país a ter sido bombardeado em duas ocasiões com armas nucleares – em 6 de agosto de 1945 em Hiroshima e em 9 de agosto de 1945 em Nagasaki na qual milhares de civis foram literalmente pulverizados.

“Little Boy”, apelido dado pelos soldados americanos à bomba de urânio de quatro toneladas jogada sobre Hiroshima, explodiu a várias dezenas de metros do solo com uma luz cegante, desprendendo uma onda expansiva e um calor de vários milhares de graus que reduziu todos os seres vivos ao estado de cinzas num raio de várias centenas de metros.

Nos como educadores não podemos deixar de falar e comentar com os nossos alunos a importancia da luta contra as armas nucleares e s destruição de todas elas do planeta. Uma sugestão é passar aos alunos o documentário exibido pelo canal de TV paga HBO intitulado Clarão / Chuva Negra: A Destruição de Hiroshima e Nagasaki (White Light/Black Rain: The Destruction of Hiroshima and Nagasaki) (aqui para baixar o filme com legendas ou aqui em torrent) .

A sinopse do filme conta que em 6 de agosto de 1945, duas bombas atômicas vaporizaram 210.000 pessoas em Hiroshima e Nagasaki. Aquelas que sobreviveram são chamadas “hibakusha” – pessoas expostas à bomba – estima-se que cerca de 200.000 ainda estejam vivas. Hoje, com a ameaça real de armas de destruição em massa – o arsenal mundial é capaz de repetir a destruição de Hiroshima mais de 400.000 vezes. O cineasta vencedor do Oscar, Steven Okazaki, revisita os locais dos bombardeios e compartilha as histórias das únicas pessoas que sobreviveram a um ataque nuclear. O filme recebeu os prêmios de vencedor do Emmy 2008; indicado em Sundance e ao prêmio do Sindicato dos Produtores.

Devemos sempre nos fazer a pergunta que Tsutomu Yamaguchi, único sobrevivente oficialmente reconhecido das bombas atômicas que devastaram Hiroshima e Nagasaki, no fim da Segunda Guerra Mundial fez a James Cameron e ao autor norte-americano Charles Pellegrino, que está trabalhando em um livro sobre os sobreviventes da bomba de Hiroshima, disse que Yamaguchi desejava que Cameron passasse adiante, por meio de um filme, a história de sua vida.

Yamaguchi segurou a mão dos dois e disse: “Que benefício a bomba atômica trouxe? Eu quero passar o bastão a vocês, para que vocês possam passá-lo para todas as outras pessoas.

Yamaguchi morreu aos 93 anos, devido a complicações de um câncer de estômago, efeito colateral da bomba atômica.

Que possamos ensinar aos nossos alunos que nada justifica uma guerra ou a destruição de uma bomba atômica. Que a PAZ seja sempre cultivada nos corações dos homens e que o dialogo permeie todos os conflitos no mundo.

Abraços e PAZ a todos

Equipe NTE Itaperuna

3 comentários sobre “Para que nos nunca esqueçamos …

  1. Investigacao Virtual disse:

    Atualmente já se consegue monitorar computadores a distância com apenas 1 clique. existem vários investigadores particulares que se juntam a programadores e criam softwares de espionagem muito perigosos para quem utiliza computador com internet. Estes aplicativos podem se instalar a distância de forma imperceptível e captar tudo que a pessoa tecla no computador. Desta forma descobre-se todas as senhas de e-mails daquela pessoa espionada. Isto se torna muito perigoso porque este software espiao pode ser acoplado junto com fotos, filmes e arquivos de qualquer natureza, ficando disfarçado e quando a pessoa abre se instala no computador.Um destes sites vende indscriminadamente este serviço no endereço http://www.investigacao-virtual.info

  2. Susana disse:

    Robson e equipe. Triste lembrança essa, mas se não lembramos como educamos os pequenos a não repetição dos erros medonhos do passado????Abçs…Susana Cividanis

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s