Somos o país que está caminhando para onde o 2 + 2 será 22?

Olá amigxs

Essa semana viralizou na internet o vídeo Alternative Math de David Maddox onde uma professora primária tem um aluno (ou pequeno reizinho tirano) que vai reclamar com ela o resultado de seu teste. Nesse teste havia uma pergunta onde 2+2 e ele responde 22 em vez de responder corretamente 4. Então a professora, corretamente vale ressaltar aqui, tenta mostrar a ele de que o erro não invalidava ou o diminuía intelectualmente, que esse erro era a oportunidade de aprender corretamente e para fazer isso ela busca outra forma de mostrar a ele a lógica matemática envolvida. E mesmo assim ele não aceita.

Alternative-Math-Screenshot-03-Atlanta-Comedy-Film-Festival-Fall-2017Alternative_Math_Short_Film_cover_Bored_Teachers_1024x1024c480x270_23Alternative-Math-Screenshot-04-Atlanta-Comedy-Film-Festival-Fall-2017-Square

Ai começa um processo kafkaniano contra a professora por parte dos pais, da escola, do governo e da sociedade e com um final digno de figurar nos livros de Franz Kafka. Veja o vídeo abaixo que depois seguimos no debate sobre ele (AQUI tem ele legendado lá no Facebook):

No vídeo a burrice epidêmica e o contágio zumbi a partir da ignorância e dos preconceitos, retratados com humor nele, mas sem deixar de ver que são um problema sério: um panorama tenebroso que pode se tornar uma realidade em nosso país se não barrarmos o projeto “Escola Sem Partido” (na verdade, Escola Sem Pensamento Crítico), que pode transformar o nosso país onde 2=2 seja 22 e não mais 4. Já somos o 2º país com menos noção da própria realidade, segundo uma pesquisa inglesa. Os brasileiros foram os campeões na prova do distanciamento entre a realidade concreta e fatos verificados: só perdemos para os sul-africanos.

paulo-freire-faixa-protesto-890x395

Se aceitarmos (ao menos em parte) os resultados deste estudo, a que conclusões chegaremos? Por que a visão negativa e errada dos fatos prevalece sobre a realidade? Culpa dos noticiários e suas eternas ladainhas de sofrimento e desespero? Sistemas de educação deficientes? Analfabetismo? Por que as representações da realidade sempre oferecem uma imagem pior do que a realidade factual?

fotorrealidade_0

A resposta dos pesquisadores foi perspicaz: “quanto mais a imprensa explora um determinado tema, mais importante ele parece, aos nossos olhos. Nossos cérebros processam informação negativa de forma diferente – ela “gruda” no público e afeta a maneira como ele vê as coisas”. Isso explicaria tantas coisas que vemos nas redes sociais hoje em dia ou o porque de que certos candidatos reacionários, homofóbicos, misóginos, machistas e racistas estarem tendo uma visibilidade maior.

aroeira7

Uma professora postou nas redes o seguinte comentário e que eu faço minhas as palavras dela:

“Para onde estamos indo ou para onde querem nos levar? A essência do professor é a resistência e se esses malucos insistirem em disseminar a burrice, serão engolidos por ela! “

Agora me conta ai o que achou do vídeo?

Abraços

Robson Freire

 

2 comentários sobre “Somos o país que está caminhando para onde o 2 + 2 será 22?

    • Robson Freire disse:

      Olá, primeiramente gostaria de agradecer pela sua visita e pelo comentário aqui no meu espaço.

      Fiquei muito interessado em saber que tipo de interpretação você faz do vídeo. Como ele seria “tendenciosamente compartilhado” ?

      Eu realmente gostaria de saber sua opinião sobre isso.

      Abraço e mais uma vez muito obrigado pela gentileza da visita e do comentário

      Robson Freire

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s