As TICs, a Escola e o Futuro ou… O futuro a Deus pertence.

Por profjc ( @profjc )Esta nascendo uma nova maneira de aprenderEnquanto alguns professores se perguntam como é possível recuperar o tempo perdido para poderem se atualizar com relação ao uso pedagógico das TICs, eu me pergunto: e como seria estar atualizado hoje em dia?A questão do uso pedagógico das TICs remete a uma questão mais … Continue lendo As TICs, a Escola e o Futuro ou… O futuro a Deus pertence.

As TICs, a Escola e o Futuro ou… O futuro a Deus pertence.

Por profjc ( @profjc )Esta nascendo uma nova maneira de aprenderEnquanto alguns professores se perguntam como é possível recuperar o tempo perdido para poderem se atualizar com relação ao uso pedagógico das TICs, eu me pergunto: e como seria estar atualizado hoje em dia?A questão do uso pedagógico das TICs remete a uma questão mais … Continue lendo As TICs, a Escola e o Futuro ou… O futuro a Deus pertence.

As TICs, a Escola e o Futuro ou… O futuro a Deus pertence.

Por profjc ( @profjc )Esta nascendo uma nova maneira de aprenderEnquanto alguns professores se perguntam como é possível recuperar o tempo perdido para poderem se atualizar com relação ao uso pedagógico das TICs, eu me pergunto: e como seria estar atualizado hoje em dia?A questão do uso pedagógico das TICs remete a uma questão mais … Continue lendo As TICs, a Escola e o Futuro ou… O futuro a Deus pertence.

>As TICs, a Escola e o Futuro ou… O futuro a Deus pertence.

>Por profjc ( @profjc )Esta nascendo uma nova maneira de aprenderEnquanto alguns professores se perguntam como é possível recuperar o tempo perdido para poderem se atualizar com relação ao uso pedagógico das TICs, eu me pergunto: e como seria estar atualizado hoje em dia?A questão do uso pedagógico das TICs remete a uma questão mais … Continue lendo >As TICs, a Escola e o Futuro ou… O futuro a Deus pertence.

Professor X Inovação: uma batalha perdida?

Por profjc Há duas décadas atrás havia uma pergunta bastante frequente quando se falava em computadores e novas tecnologias: “será que um dia os computadores vão substituir os professores?”. Era o início da chegada dos computadores de forma massiva e, assim como ocorreu com o surgimento do rádio, e depois da televisão, do videocassete e … Continue lendo Professor X Inovação: uma batalha perdida?

Professor X Inovação: uma batalha perdida?

Por profjc Há duas décadas atrás havia uma pergunta bastante frequente quando se falava em computadores e novas tecnologias: “será que um dia os computadores vão substituir os professores?”. Era o início da chegada dos computadores de forma massiva e, assim como ocorreu com o surgimento do rádio, e depois da televisão, do videocassete e … Continue lendo Professor X Inovação: uma batalha perdida?

Professor X Inovação: uma batalha perdida?

Por profjc Há duas décadas atrás havia uma pergunta bastante frequente quando se falava em computadores e novas tecnologias: “será que um dia os computadores vão substituir os professores?”. Era o início da chegada dos computadores de forma massiva e, assim como ocorreu com o surgimento do rádio, e depois da televisão, do videocassete e … Continue lendo Professor X Inovação: uma batalha perdida?

Professor X Inovação: uma batalha perdida?

Por profjc Há duas décadas atrás havia uma pergunta bastante frequente quando se falava em computadores e novas tecnologias: “será que um dia os computadores vão substituir os professores?”. Era o início da chegada dos computadores de forma massiva e, assim como ocorreu com o surgimento do rádio, e depois da televisão, do videocassete e … Continue lendo Professor X Inovação: uma batalha perdida?

Saber pensar

"Aprender é a maior prova de maleabilidade do ser humano, porque, mais que adaptar-se à realidade, passa a nela intervir. Sendo atividade tipicamente reconstrutiva de tessitura política, é também a maior prova do sujeito capaz de história própria. Saber aprender é fazer-se oportunidade, não só fazer oportunidade. Deixa-se de lado a condição de massa de … Continue lendo Saber pensar

Saber pensar

"Aprender é a maior prova de maleabilidade do ser humano, porque, mais que adaptar-se à realidade, passa a nela intervir. Sendo atividade tipicamente reconstrutiva de tessitura política, é também a maior prova do sujeito capaz de história própria. Saber aprender é fazer-se oportunidade, não só fazer oportunidade. Deixa-se de lado a condição de massa de … Continue lendo Saber pensar